Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2012

Hóstia 227-2012


O Natal dos coveiros alterna entre os tempos de paz e os tempos de pás.

publicado por joao moreira de sá às 10:28
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2012

Hóstia 226-2012


Satus on Natal na Serra da Estrela: A Guarda. A Seia.

publicado por joao moreira de sá às 10:30
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Sábado, 24 de Dezembro de 2011

Boas Festas

Por desilusões que este ano vos tenha trazido, que sempre saibam não perder a capacidade de se criançarem no Natal. Esquecer a vida "terrena" e viver apenas as emoções, as independentes das crenças, o simples prazer de DAR.

Porque as coisas boas da vida podem e devem fazer-nos mais felizes, mas devemo(-nos) o saber não deixar que as coisas menos boas que a vida nos coloca no caminho sejam motivo de tristezas ou infelicidade, antes as saibamos fazer lições, aprendizagem, superação.
Para que cada ano haja motivo para, longe de consumismos e religiões, desejar por sentimentos apenas e só, um Bom Natal a todos, pois que prendas, essas recebo-as a cada dia de cada um de vós por me lerem.
tágues: , ,

publicado por joao moreira de sá às 10:00
linque do post | Ir ao Confessionário | Ler confissões ou rezar o Terço (4) | favorito
|
Domingo, 26 de Dezembro de 2010

Da Bíblia ou da Bola?


Ao ser crucificado, Jesus mostrou que não era homem de baixar os braços.

__________________________________


publicado por joao moreira de sá às 11:20
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Sábado, 25 de Dezembro de 2010

Ricas prendas


Podia ter sido bom ter recebido o tão sonhado veleiro como prenda de Natal, não fosse ter sido baptizado com o nome "Aventura", porque eu não embarco em aventuras.

__________________________________


publicado por joao moreira de sá às 18:27
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|

Meias prendas


Que me ofereçam peúgas no Natal ainda vá, mas se em vez de lisas ou com bonecos tiverem algo escrito, aí recuso receber.
Não aceito meias palavras.

__________________________________


publicado por joao moreira de sá às 17:25
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Terça-feira, 29 de Dezembro de 2009

Do Natal


A verdade é que do Pai Natal ainda recebi qualquer coisita, do Saramago nada!

_________________________________________

publicado por joao moreira de sá às 05:10
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Quarta-feira, 23 de Dezembro de 2009

Esta voz ajuda a um bom Natal, que é o que vos desejo

 

 

... e mais arcebispadas ainda antes do fim do corrente.

 


publicado por joao moreira de sá às 05:19
linque do post | Ir ao Confessionário | Ler confissões ou rezar o Terço (2) | favorito
|
Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2009

Sobre o Natal que já não é o que era

 

Reparem que naquela época havia datas específicas para gastar dinheiro, que apesar dos esforços ainda pouco passavam de picos de consumo nas que chamavam épocas festivas. Devem ser-vos familiares os conceitos ou pelo menos os nomes Aniversário ou Natal.
 
Claro que estamos a falar de um período anterior ao gasto-diário-mínimo-obrigatório. Foi também por essa altura que o Plano entrou em acção. Repararam que falei ali atrás de dois eventos, Aniversário e Natal. Foram durante muito tempo os dois grandes senão únicos ritos de consumo enquanto comportamento social colectivo. A Intervenção fez-se de duas formas. Pouco a pouco conseguiu-se fazer expandir o Natal a zonas do planeta cuja cultura lhe era alheia no significado. Estamos a falar de áreas como as actuais Chinásia ou os Grandes Territórios Israelo-Iranianos, quem daqui já tenha visitado a Terra com certeza conhece. Ao mesmo tempo começámos a introduzir na Eurorússia focos de consumo já antes testados com sucesso na parte norte da actual Unamérica, acompanhando o processo com técnicas de crescimento de PIS, Percepção de Importância Social para quem não saiba.
 
Conceitos como o Dia dos Namorados ou Halloween podem ainda não vos ser familiares, mas deviam, porque vocês não estão aqui para ouvir contar histórias, vocês estão aqui para aprender, porque a batalha é continua e o Plano precisa que alunos como vocês estejam devidamente preparados para lhe dar continuidade. Enquanto houver uma pessoa lá na Terra que sinta saudades de um natal do passado o Plano terá sempre um risco de retrocesso, por pequeno que seja. O risco, claro. E alguém me sabe dizer porque é que essa fixação nessa data, nesse evento específico, o Natal, é a última e mais difícil barreira de ultrapassar? Diga? Porque estava ligado a crenças de índole religiosa? Sim, esse era o fundamento mas não o mal intrínseco.
Eu digo-vos o que era, porque vocês não têm como o saber, o mal mais profundo e enraizado eram conceitos como família, convívio. Sei que para vocês é difícil de entender mas notem que eram de tal forma relevantes que até muito tarde sobrepuseram-se ao consumo que era então secundário. A Grande Mudança atribui-se hoje exactamente ao momento em que pela primeira vez, uma primeira vez simbólica em termos históricos naturalmente, o comprar se tornou mais importante do que a festa em si.
 
Tudo isto vos pode parecer agora um pouco estranho, vago. É natural, estamos e falar de há mais de duzentos anos atrás. Por ora importa que se consciencializem de que passado todo este tempo, ainda há lá em baixo quem use calendários, quem assinale o dia vinte e cinco de dezembro. Todos os anos interceptamos na áudio-vigilância a frase que lutamos por eliminar, que o natal já não é o que era.
 
João Moreira de Sá
 
 
Este texto nasce do convite feito pela Ana MartinsAna Paula Motta, Isa Silva, Luís Bento, Nuno Gervásio, Tito de Morais, Vasco Catarino Soares e a mim sob a forma de desafio, "um texto, sem regras, único tema O Natal já não é o que era". Este é o meu, aqui em cima os links a visitar para conhecer os outros natais e como já não são.
 

 

tágues: ,

publicado por joao moreira de sá às 05:52
linque do post | Ir ao Confessionário | Ler confissões ou rezar o Terço (2) | favorito
|
Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2009

Na tal


O que me custa nem são as compras, é a parte da com suada.

_________________________________________

publicado por joao moreira de sá às 06:13
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Segunda-feira, 14 de Dezembro de 2009

Li isto


"Operação Pai Natal em curso"

E eu nem sabia que ele estava doente.

(mas claro que aproveitei para fazer "coisas que isto não se faz a um filho quanto mais a dois")

_________________________________________

publicado por joao moreira de sá às 06:25
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Sexta-feira, 11 de Dezembro de 2009

Se parecer machista, não é, é auto-crítica


Natal é quando um homem quiser... e quando a mulher tiver acabado de comprar as prendas.

_________________________________________

publicado por joao moreira de sá às 06:46
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Sexta-feira, 26 de Dezembro de 2008

Algumas prendas

 
Prenda que eu teria oferecido a António Lobo Antunes no Natal.
"De profundis, Valsa Lenta", José Cardoso Pires.
 
Ao Obama se não assinar o Tratado de Kyoto
Uma valente pegada ecológica num sítio que eu cá sei.
 
A José Sócrates
Uma estátua de Fernão de Magalhães.
 
A Fernão de Magalhães
Uma estátua de José Sócrates.
 
Ao senhor J.P. Sá Couto
Uma estátua de José Sócrates.
 
A Maria de Lurdes Rodrigues
Um emprego como avaliadora.
 
A Pacheco Pereira
Um Subuteo (só pra chatear)
 
Ao Jorge Palma
Uma cadeira com encosto.
 
_________________________________________________________

 


publicado por joao moreira de sá às 07:34
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Dezembro de 2008

Musiquinha de Natal...

 

 

tágues: ,

publicado por joao moreira de sá às 07:59
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|

O Pai Natal não existe

 
Mas alguém ainda acredita nisso?
 
_________________________________________________________


publicado por joao moreira de sá às 06:14
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|

É Natal, é Natal

 
Detesto meias palavras. Digam de uma vez por todas, é em qual.
 
_________________________________________________________


publicado por joao moreira de sá às 06:12
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|

Natal é quando um homem quiser

 
Mentira! Eu anda há dias a tentar convencer toda a gente que já foi e não funciona.
 
_________________________________________________________

tágues: ,

publicado por joao moreira de sá às 06:11
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|

No Natal celebra-se o nascimento do Salvador

 
E do Martim, e do Bernardo. E uma playstation para cada um, Ambrósio.
 
_________________________________________________________


publicado por joao moreira de sá às 06:10
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|

Natal é todos os dias

 
Pelo menos não havia tempo para compras.
 
_________________________________________________________


publicado por joao moreira de sá às 06:10
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|

Natal é 25 de Dezembro

 
É nada, já mudou para 24. E só não muda oficialmente porque passaria logo a ser celebrado a 23.
 
_________________________________________________________

tágues: ,

publicado por joao moreira de sá às 06:09
linque do post | Ir ao Confessionário | favorito
|
Creative Commons License
Este Blog está licenciado sob uma Licença Creative Commons.



Joao Moreira de Sa

Cria o teu cartão de visita

Twitter
Micro Cuts

Divulga também a tua página

CONTÉM CONTO MEU (já editado Comprar: AQUI
Ocultos Buracos

Promote Your Page Too

VAI CONTER CONTO MEU (pelo Natal, mas experimentem clicar na capa)




Blogue para Contactos Profissionais

Outras escritas

Quem???

Uma mente delirante e não muito normal encerrada num corpo com 44 anos (embora um teste da Sábado diga que na realidade tenho 47... já estive mais longe, tenho que repetir o teste). Presentemente desempregado mas com boas perspectivas de conseguir vir a trabalhar num call-center. Escrevo porque não gosto lá muito de falar e como irresponsável que sou, acredito que um dia ainda irei conseguir ser pago para escrever, o que já vai demorando um bocado...
jmoreiradesa@gmail.com

pesquisar neste belogue

 

Arquivos da Cantuária

tágues

todas as tags

subscrever feeds



Péssimos clips de humor na
TV Arcebispo

revista Única/Expresso


revista Nós/jornal i


Nuno Markl in Única/Expresso
Há gente com graça na Internet?

Imensa. O arcebispo de Cantuária. É um tipo com um site magnífico com trocadilhos. Dos mais refinados que eu vi em toda a minha vida.

arcebispo no programa "As Tardes da Júlia", TVI, 01.07.09.




jornal i "Blogues das mamãs. São mais que as mães e servem para tudo"

"Os (arcebispais) Incorrigíveis"

Arcebispo de Cantuária 17º Melhor Blog Português de 2007

Porque nem só de trocadilhos vive um Arcebispo:

Manjares do Arcebispo" (2ª edição disponível em paperback 11.35€ e e-book download 2,50€)



COMPRAR ONLINE: BUBOK





MAIS INFORMÇÃO